Conheça as 3 datas cervejeiras de agosto para você comemorar!

Você sabia que Agosto é um dos meses mais cervejeiros do ano? Para você se preparar para essas três datas cervejeiras, e o The Beer Planet vai te dar as dicas de como aproveitar cada uma. Abra uma cerveja e vem com a gente!

  • International IPA Day: 3 de agosto

cervejeiras de agosto
International IPA Day: 3 de agosto

O estilo India Pale Ale, tão adorado pelos lupulomaníacos, tem um dia só dele. A já conhecida versão brasileira desse evento acontece em novembro, em Ribeirão Preto/SP. Mas a data oficial é comemorada internacionalmente na primeira quinta-feira de agosto, caindo neste ano no dia 3.

O International IPA Day foi criado em 2011 nos Estados Unidos, já que os americanos são aficionados por lúpulo, o ingrediente da cerveja responsável pelo amargor, que aparece em destaque nas IPAs. Este estilo nasceu na Escola Inglesa, mas foram os americanos que revolucionaram a India Pale Ale, aumentando a carga de amargor e utilizando variedades locais de lúpulos aromáticos, conferindo as deliciosas notas frutadas e cítricas.

A festa mais amarga do mundo é comemorada em todo o Brasil em diversos bares e cervejarias, mas você também pode participar da sua casa, garantindo suas garrafas e latas da nossa seleção de IPAs. Toda variedade do estilo preferido dos Hopheads está valendo:
American, English, Belgian, Session, Imperial, Brett, Black, White, West Coast e New England IPA.

  • Dia da Cerveja Belga: 4 de agosto

cervejeiras de agosto
Dia da Cerveja Belga: 4 de agosto

Já se você prefere cervejas onde o malte e a levedura se destacam, saiba que também existe um dia para celebrar as cervejas belgas. O Dia da Cerveja Belga em 2017 cai no dia 4 de agosto, pois é comemorado na primeira sexta-feira desse mês.

Neste ano temos um motivo especial para festejar a data: a cerveja belga entrou para a seleta lista de Patrimônios Imateriais da Humanidade da Unesco! Essa conquista era de se esperar, já que a Escola Belga possui mais de 1.500 variedades de cervejas, com tradição centenária e muita criatividade.

Não é tão comum encontrar eventos nesta data quanto no IPA Day, mas nas confrarias online, os cervejeiros brindam com seus lindos cálices. Vai ficar de fora? Confira nossa seleção de cervejas belgas e escolha a sua! Já que estamos no inverno, recomendamos as mais alcoólicas, como as Belgian Strong Ales.

  • Dia Internacional da Cerveja: 4 de agosto

cervejeiras de agosto
Dia Internacional da Cerveja: 4 de agosto

E para fechar as datas cervejeiras, não se esqueça da primeira sexta de agosto, quando é celebrado o Dia Internacional da Cerveja. Então além das belgas, você pode brindar com sua cerveja favorita. Pode ser Weizen, Stout, Sour, Fruit Beer, APA, Pilsen, Bock, Helles… Seja qual for seu estilo preferido, você encontra na loja The Beer Planet.

Assim como o International IPA Day, o Dia Internacional da Cerveja foi criado nos Estados Unidos, em 2007 na Califórnia. Neste ano a data completa 10 anos, o que é mais um motivo para não passar em branco.

Os três propósitos declarados são: estar com amigos para saborear a cerveja; celebrar aqueles que fabricam e os que servem a cerveja; e ter o sentido de união mundial com outros comemoradores, com cervejas de todas as nações e culturas. Então, convide seus amigos para degustar rótulos nacionais e importados com você!


Para brindar essas datas cervejeiras com a gente, marque o @thebeerplanet nas redes sociais e use hashtags de confrarias online, como #comandocervejeiro, #bpcervejeiro, #horadogole e #confraria27, além das próprias marcações dos eventos, como #ipaday.

CLUBE DE MARÇO 2016 CHEGA CHEIO DE NOVIDADES!

Olá, beernauta!

Encerrando o verão com muita novidade na taça, nossos especialistas trouxeram uma surpreendente e inovadora Belgian Pale Ale da Bélgica, uma saborosíssima Witbier gaúcha feita com 5 temperos que vão te conquistar pelo paladar, uma Blond Ale americana direto do Vale do Lúpulo para você rever seus conceitos de cerveja belga e uma gaúcha de estilo irlandês que resgata uma história de mais de um século de tradição em cerveja. Desejo a você uma degustação inesquecível! Se quiser entrar em contato, meu e-mail é padilha@thebeerplanet.com.br.

Se você ainda não faz parte do nosso clube de cerveja, assine cerveja e receba as melhores cervejas do planeta no conforto da sua casa, clicando aqui.

 

José Raimundo Padilha

Sommelier de cervejas

 

 

 

Seleção março
Bebop Bohemian Beer 330ml

Bebop Bohemian Beer 330ml

Dica do sommelier de cervejas:

“A surpreendente cerveja artesanal belga Bebop Bohemian Beer é refrescante, frisante, de cor amarelo claro, aparência turva e apresenta deliciosa picância sutil de especiarias, que traz junto notas frutadas cítricas, remetendo à pera e limão, aumentando enormemente sua drinkability. No final, é ligeiramente seca e levemente ácida, chamando a atenção para o equilíbrio, que traduz sua personalidade boêmia, ao mesmo tempo fresca e moderadamente alcoólica. Inspirada na geração revolucionária de músicos de Jazz dos anos 40 dos EUA, que reinventaram o som interagindo entre si em históricas jam sessions, a Bebob herdou a pulsação e inaugura um novo estilo de cerveja para pessoas criativas, que gostam de originalidade e boas surpresas!”

Estilo: Belgian Pale Ale

Amargor: Moderado

Teor Alcoólico: 6,8% ABV

Olho: Amarelo claro, turva, boa espuma

Nariz: Frescor, frutada, cítrico, limão

Boca: Leve, refrescante, picante, equilibrada, suave amargor, final seco

Ingredientes: Água, malte de cevada, lúpulo, especiarias e levedura

Harmonização: Carpaccio, chucrute, codorna, coelho, frango assado, hummus, lasanha, massa à bolonhesa, salsichas.

 

Indicação do sommelier de cervejas: Mix de salsichas.

Temperatura de Serviço: 4 a 7º

Origem: Bélgica

 

Seleção março
Dado Bier Duons 600ml

Dado Bier Duons 600ml

 

 

Dica do sommelier de cervejas:

“A deliciosa cerveja artesanal gaúcha Dado Bier Duons é uma Witbier que nasceu da interação do mestre-cervejeiro Carlos Bolzan com o Chef Edevaldo Nunes para celebrar os 20 anos da tradicional cervejaria do Rio Grande do Sul, uma das pioneiras no Brasil. Essa co-criação faz dela uma excelente opção para acompanhar a boa gastronomia. Apresenta cor amarelo claro, de aparência turva por não ser filtrada, boa formação de colarinho no copo, aroma frutado que remete à notas cítricas com toques condimentados vindos das especiarias utilizadas na sua elaboração: açafrão, anis estrelado, cravo, canela e cardamomo. O rótulo traz uma ilustração do artista Walmor Correa, uma flor híbrida que retrata todos estes temperos!”

Estilo: Witbier

Amargor: Baixo

Teor Alcoólico: 5,0% ABV

Olho:Amarelo claro, turva, boa espuma

Nariz: Frutado, adocicado, cítrico, especiarias

Boca: Refrescante, frutada, floral

Ingredientes: Água, malte de cevada, malte de trigo, lúpulo, açafrão, anis estrelado, cravo, canela, cardamomo e levedura.

 

Harmonização: Peixes, frutos do mar, saladas em geral, ovos com bacon, quiche de queijo, comida japonesa.

Indicação do sommelier de cervejas: Aves com temperos orientais.

Temperatura de Serviço: 4 a 6º

Origem: Brasil

 

Seleção março
Hopvalley Dnouble-D Blonde 355ml

Hopvalley Dnouble-D Blonde 355ml

 

 

Dica do sommelier de cervejas: “A cerveja artesanal Hopvalley Double-D Blonde é fabricada no famoso Vale dos Lúpulos, nos Estados Unidos, na cidade de Springfield, Oregon. A principal característica da marca é adicionar lúpulos em estilos clássicos que originalmente não possuem presença marcante deste ingrediente. No caso, uma deliciosa Blond Ale de cor dourada, paladar refrescante e com um toque extra de amargor frutado e cítrico vindo dos lúpulos americanos Cascade e Willamette. Tudo muito bem equilibrado por malte de trigo, típico do estilo, e uma cama maltada que traz notas de caramelo, resultando numa cerveja suave e cheia de sabor!”

Estilo: Blond Ale

Amargor: Moderado

Teor Alcoólico: 5,0% ABV

Olho: Dourada, boa espuma

Nariz: Frutada, cítrica, herbal, caramelo, tangerina

Boca: Corpo médio, cítrico, equilibrada, caramelo, refrescante

Ingredientes: Água, malte de cevada, malte de trigo, lúpulo, especiarias e levedura

Harmonização: Bolinho de bacalhau, ceasar salad, lula frita, frutos do mar, mexilhões, ostras, ovos mexidos ou omeletes, quiche de queijo, sushi, tempurá.

Indicação do sommelier de cervejas: Massa ao frutos do mar.

Temperatura de Serviço: 5 a 7º

Origem: EUA

 

 

Seleção março
Gazapina Red Ale 600ml

Gazapina Red Ale 600ml

 

Dica do sommelier de cervejas: “A cerveja artesanal gaúcha Gazapina Red Ale é uma legítima representante do estilo Irish Red Ale da família de cervejas que está revitalizando a marca que escreveu parte da história cervejeira do Rio Grande do Sul. Fundada em 1908 por imigrantes italianos e símbolo de tradição em boa cervejas no sul do país, a Gazapina está de volta, agora com novos estilos que estão emocionando quem tinha uma ligação com a sua história e aqueles que apreciam uma excelente cerveja! Apresenta belíssima cor avermelhada, com aromas e sabores que puxam para o tostado e o caramelo!”

 

Estilo: Irish Red Ale

 

Amargor: Moderado

Teor Alcoólico: 5,5% ABV

Olho: Avermelhada, boa espuma

Nariz: Tostado, biscoito, cereal, caramelo

Boca: Leve, amargor moderado, tostado

Ingredientes: Água, malte de cevada, lúpulo e levedura

Harmonização: Comida mexicana, carne assada, carpaccio, frango assado, pimentão recheado, pizza calabresa, rocambole de carne.

Indicação do sommelier de cervejas: Sanduíche de pernil

Temperatura de Serviço: 5 a 7°

Origem: Brasil

 

 

 

 

Hopus, uma das primeiras Belgian IPA da Bélgica

Desde 1876, a cervejaria familiar Lefebvre produz as suas Ales na Bélgica, no vilarejo de Quenast. Cervejas de diversos estilos fabricadas artesanalmente. Cervejas de Abadia, Fruit Beers, Saison, Specialty Beers e outros.

Hoje, as 5ª e 6ª gerações estão no comando da cervejaria, encantando o mundo com suas interpretações de tradicionais cervejas artesanais belgas. Que os nossos especialistas em cerveja escalaram para a Seleção do Mês!

DICA DO SOMMELIER DE CERVEJA

“A premiada cerveja artesanal belga Hopus é do estilo Belgian IPA, uma deliciosa Belgian Ale mais lupulada, uma das primeiras do que hoje é uma tendência na Bélgica. Tem uma charmosa tampa de cerâmica swing-top e é re-fermentada na garrafa. Ao contrário das cervejas de trigo, você pode beber a cerveja sem agitar a garrafa e sem servir o resíduo que fica no fundo, deixando a cerveja mais cristalina e menos amarga. Mas você pode beber esse resíduo separadamente, porque é digestivo!”

HARMONIZAÇÃO

Cheddar, gorgonzola, carne vermelha, embutidos, empanadas, falafel, hambúrguer, pato au poivre, pimentão recheado, pizza de calabresa, salmão

INDICAÇÃO DO SOMMELIER DE CERVEJA

Hambúrguer com cheddar ou gorgonzola
ORIGEM: Bélgica
AMARGOR: Moderado
ESTILO: Belgian IPA
TEOR ALCÓLICO: 8,3% ABV
OLHO: Dourada, boa espuma
NARIZ: Frutado, doce, picante, cítrico
BOCA: Corpo médio, mel, frutado, herbal, condimentado, cítrico, amarga, final seco
INGREDIENTES: Água, malte de cevada, lúpulo, levedura
TEMPERATURA DE SERVIÇO: 5 a 7º

 

La Trappe, a única cerveja feita por monges da Holanda

La Trappe

Se você é cristão ou não, beber cerveja que um monge fez é especial, tão especial que muitas cervejarias fazem cervejas estilo abadia. Existem menos de dez cervejarias de monges Trapistas da Ordem Cisterciense certificadas para produzir e vender cervejas com o selo Trapista. Mais 10 mosteiros são liberados para vender outros produtos Trapistas, como aguardentes, queijos, compotas, bolachas e sabonetes que mantêm seus mosteiros auto-suficientes, de acordo com a Ordem de São Bento. Seis cervejarias Trapistas estão localizadas na Bélgica: Achel, Orval, Westmalle, Rochefort, Westvleteren e a mais famosa, Chimay. Enquanto a cervejaria La Trappe é a única onde monges fezem a cerveja na Holanda. A ordem Trapista aprovou recentemente a cervejaria Engelszell na Áustria a produzir cerveja a fim de pagar a reforma do seu mosteiro.

Compre La Trappe, aqui.

Clube de Abril: veja como ficou a nova seleção

Olá, beernauta!

Todos os meses a nossa equipe de especialistas busca as melhores cervejas do planeta mais adequadas ao seu perfil de paladar e monta a seleção de rótulos que chega regularmente no conforto da sua casa.

Somos o único clube de cerveja que respeita o seu conhecimento em cerveja e oferece planos para iniciantes, intermediários e avançados.

No mês de abril, a nossa seleção está cheia de novidades, trazendo duas cervejas inéditas no Brasil, uma Pilsner da cervejaria mais antiga do mundo e uma Belgian Blond de uso exclusivo dos monges trapistas de Chimay, que o Brasil está tendo a honra de receber pela primeira vez.

Para manter o mesmo nível que qualidade e experiência sensorial, trouxemos duas brasileiras espetaculares, uma cerveja de trigo sensacional vinda de São Paulo e uma IPA clássica de Santa Catarina.

 

seleção de abril
WEIHENSTEPHANER PILSNER

WEIHENSTEPHANER PILSNER

• German Pilsner

• 5,1% ABV

• Weihentephan, Alemanha

Cerveja produzida de acordo com a Lei de Pureza Alemã na região da Bavária, mais precisamente na colina de Weihenstephan, município de Freising, próximo a Munique, onde hoje está estabelecida a Faculdade de Cerveja da Alemanha.

DICA DO SOMMELIER

“A cerveja artesanal alemã Weihenstephaner Pilsner é uma Pilsner tradicional feita pela cervejaria mais antiga do mundo. Apresenta sabor suave e aromas herbais e florais, vindos do lúplulo local da Bavária com o qual ela é feita. Deliciosamente adocicada, finamente lupulada e muito bem equilibrada, com um final de enorme frescor. Uma cerveja fácil de beber e perfeita para todas as ocasiões!”

 

Seleção de abril
BURGMAN FUN WEISS

BURGMAN FUN WEISS

• German Weizen

• 5,5% ABV

• Sorocaba, São Paulo

 

A cervejaria Burgman nasceu em 2009 na cidade de Sorocaba, interior de São Paulo, com o foco em fabricar cerveja artesanal e fazer de Sorocaba uma referência cervejeira no Brasil.

DICA DO SOMMELIER

“Cerveja artesanal de trigo produzida especialmente para agradar o paladar brasileiro, com malte de trigo importado da França e lúpulo e leveduras vindos da Alemanha. Apresenta aparência turva comum ao estilo e grande poder refrescante. No paladar, presença de notas frutadas e condimentadas.”

 

seleção de abril
SCHORNSTEIN IPA

SCHORNSTEIN IPA

• India Pale Ale (IPA)

• 6,5% ABV

• Pomerode, Santa Catarina

 

Fabricada por uma micro cervejaria artesanal do Vale Europeu, em Santa Catarina, na cidade mais alemã do Brasil, esta cerveja só era consumida na região na forma de chope até que começou a engarrafar e distribuir a partir de 2013.

DICA DO SOMMELIER

“A cerveja artesanal Schornstein IPA (India Pale Ale) é uma autêntica representante deste estilo original da Inglaterra. Apresenta coloração âmbar clara e aroma que combina notas cítricas com delicioso caramelo tostado. No paladar, uma cerveja saborosamente amarga, de final seco e que faz bonito quando acompanha uma bela carne!”

Faz parte dos planos Marte (intermediário) , Plutão (avançado) e Espacial (combinado)

 

Seleção de abril
CHIMAY DORÉE

CHIMAY DORÉE

• Belgian Blond Ale

• 4,8% ABV

• Chimay, Bélgica

 

O monastério de Notre Dame de Scourtmont, próximo à cidade de Chimay, fundado em 1850, começou a produzir cerveja em 1862 e foi o primeiro monastério belga a comercializar suas cervejas. Foi também o primeiro a usar a denominação “cerveja trapista”.

DICA DO SOMMELIER

“A Chimay Dorée, conhecida como Chimay dourada ou Spéciale du Poteaupré, é uma raridade. Cerveja artesanal trapista que só se encontra no Auberge de Ponteaupré, em Chimay, na Bélgica, e que não está à venda em nenhum outro lugar do planeta! Uma cerveja do estilo Belgian Blond Ale que é reservada para o consumo exclusivo dos monges trapistas de Chimay e que o Brasil está tendo a honra de receber pela primeira vez!”

Faz parte dos planos Plutão (avançado) e Espacial (combinado)

Se você já é sócio do nosso clube de assinatura de cervejas, desejamos uma degustação inesquecível!

 

Caso você ainda não tenha assinado o nosso clube, saiba como funciona e conheça as vantagens exclusivas, clicando aqui.

 

Viven Ale com bruschetta de cogumelos: combinação perfeita

Criar harmonizações com cervejas especiais é uma tarefa divertida e muito prazerosa, que faz o trabalho de um sommelier de cervejas realmente valer muito a pena.

Na última degustação que fizemos com as cervejas da seleção do mês do The Beer Planet Club, um dos desafios foi combinar a cerveja artesanal belga Viven Ale com o cardápio da forneria Melograno, de São Paulo, que nos recebeu para um evento de harmonização inesquecível.

A Viven Ale é uma Pale Ale muito saborosa, onde predominam sabores e aromas frutados e cítricos, que remetem a frutas amarelas como pêra. Seu teor alcoólico é moderado: 6,1% ABV. O amargor também é moderado, mas intenso e marcante. O final é seco e complexo, mas deixa uma sensação refrescante e bastante prazerosa, convidando para mais um gole.
Optamos pela bruschetta de cogumelos devido aos maltes tostados por combinar em intensidade e nuances terrosos presentes na cerveja e no prato.

Uma das características da cerveja é a presença de boa carga de malte, fazendo com que a harmonização com a bruschetta seja uma escolha acertada, pois o pão italiano com a sua casca tostada e seu miolo denso encontram correspondem à quantidade de malte da Pale Ale.
Sobre a escolha de cogumelos vem do fato de ser de intensidade moderada como a cerveja, preparada com tomate fresco que encontra correspondência no frescor da cerveja. Os sabores terrosos do cogumelo fazem par com o amargor e o final seco, sendo o frutado cítrico dando um tempero que deixa o conjunto mais harmonioso.
A gordura do azeite extra de oliva, utilizado para preparar os cogumelos com tomates, é cortada pelo amargor, gás e álcool da Viven Ale.

Com certeza, uma harmonização onde prato e cerveja não se sobrepõem, pelo contrário, se unem e se complementam, preservando suas individualidades e somando forças para criar uma composição de muito sabor.

Gosta de cogumelos? Conheça outras cervejas que harmonizam com cogumelos, aqui.
Conheça outras cervejas da Viven, aqui.
Conheça mais cervejas belgas, aqui.

Que fazer uma assinatura de cerveja? Assine o nosso clube de cervejas, aqui.

Compre Viven Ale, aqui.

Conheça a taça da Duvel: a mais desejada do mundo

Duvel

A taça da cerveja belga Duvel não é apenas linda, com formas em curvas que ajudam a preservar e ressaltar as suas principais características, mas também por detalhes que fazem dela uma das taças mais admiradas e desejadas do planeta!

Estilo Tulipa

Tecnicamente é uma tulipa padrão, ao contrário do que a maioria dos brasileiros classificam como sendo uma tulipa.

O que aqui no Brasil chamamos equivocadamente de tulipa é um copo “pilsner”, apropriado para cervejas lager de estilo Pilsner.

As tulipas, como o nome diz, possuem o formato da flor que lhes batizou. Arredondadas em baixo, no bojo, com paredes que sobem se estreitando até abrirem em uma borda curvada, sobre uma haste curta e uma boa base que lhes garanta equilíbrio sobre a mesa quando cheias.

Taça duvel

O bojo bem arredondado, formando um semicírculo completo, ajuda no momento em que a cerveja do estilo Belgian Golden Strong Ale é servida, preferencialmente em um ângulo de 45 graus para não estimular a formação excessiva de espuma, que é generosa neste estilo. Quando a cerveja atinge o vidro delicadamente em ângulo, circula por toda a circunferência, ajudando a areja a cerveja sem causar muita expansão de gás carbônico e a criação de uma espuma excessiva.
As paredes que se afunilam e se estreitam até a boca servem para guardar o creme, que no caso da Duvel é bem denso.
O bocal é curvado para fora para que o líquido escorra com facilidade por baixo do creme e para fora da taça ao ser colocado nos lábios, sem que a espuma atrapalhe a degustação.

Copos de cervejas belgas

Essas são características comuns aos copos de cervejas belgas que apresentem os mesmo atributos da Duvel. Porém, a taça da Duvel tem um segredo que nenhuma outra tem. Já reparou no perlage vigoroso que ela produz? São aquelas bolhas que se formam no fundo da taça, pela expansão do dióxido de carbono que está em estado líquido e que forma a bolha ao ser liberado da pressão que fica na garrafa antes dela ser aberta.

Taça Duvel

É que a taça da Duvel tem um detalhe esculpido no vidro, no fundo dela. Veja na foto abaixo:

Taça Duvel

taca-duvel-05Quer comprar essa taça? Clique aqui.

Quer aprender a servir uma cerveja com perfeição? Clique aqui.

Quer saber como deixar sua taça de cerveja bem limpa? Clique aqui.

Quer conhecer outros copos de cervejas especiais? Clique aqui.