Saiba tudo sobre a “Nova IPA” que vem dando o que falar no Brasil

Você provavelmente já deve ter ouvido falar em New England IPA, Juicy IPA, Hazy IPA, Vermont IPA ou North East IPA (NEIPA), já que os seus exemplares são hoje os mais comentados no mercado de cervejas artesanais. Mas sabe exatamente o que deve encontrar na hora de degustar uma delas?
Vamos começar por sua origem. O criador foi o cervejeiro John Kimmich da cervejaria The Alchemist Brewery, localiza na cidade de Waterbury no estado de Vermont. O primeiro rótulo, a cerveja Heady Trooper, foi criado em 2003 e já ganhou os paladares dos consumidores locais. Mas apenas em 2011, com a ampliação da planta da cervejaria, ela foi enlatada e começou a ganhar os Estados Unidos, e posteriormente, o mundo.
Infelizmente, até agora é impossível degustar uma NEIPA americana no Brasil por dois motivos: por não serem pasteurizadas e o tempo de trânsito até aqui iria deixá-las sem os aromas esperados, e também porque normalmente são produzidas em lotes menores e com distribuição mais local. Mas não precisa se desesperar, pois os cervejeiros nacionais já começaram uma busca incessante de reprodução destas cervejas e hoje já conseguimos encontrar bons rótulos por aqui. O que elas têm de tão diferente das já conhecidas IPA’s? As principais características da New England que você irá encontrar são:

1 – Turbidez

 Bem parecida com a que encontramos no estilo Weiss, mas que nas IPA’s tradicionais não é aceitável. Isso ocorre por não serem filtradas e/ou por ser utilizado trigo, aveia ou centeio em suas receitas.

2 – “Juicy

Suculentas em tradução livre, relativo ao corpo aveludado e por serem mais encorpadas.
3 – Aroma frutado intenso

Remetendo a frutas tropicais como manga, abacaxi, pêssego e melão, devido as espécies de lúpulos utilizados, como Azzaca, Equinox, Mosaic e os neozelandeses Nelson Sauvin e Galaxy.

4 – Amargor aparente

Mas de baixa persistência, ou seja, com baixa adstringência. O intuito aqui é aproveitar ao máximo os aromas provenientes dos lúpulos.

5 – Teor alcoólico elevado,

Boa parte das cervejas apresentam um teor alcoólico elevado, mas que normalmente estão tão bem inseridos que passam despercebidos.

Confira estas duas novidades que chegaram na loja The Beer Planet, que você pode adquirir e receber na sua casa:

IPA
Roleta Russa New England I

Roleta Russa New England IPA 500ml – 6,5 % ABV

De coloração âmbar, apresenta turbidez devido à adição de trigo e aveia, que também conferem deliciosa textura aveludada. Uma carga extrema de lúpulos americanos e australianos garante notas frutadas marcantes, além de muito sabor e um tiro de amargor!

 

 

IPA
Cerveja Tupiniquim Supernova Lata

Tupiniquim Supernova Lata 473ml – 7,0% ABV

A primeira lata lançada pela Tupiniquim, uma das cervejarias mais aclamadas atualmente. Com coloração dourada turva e uma boa formação de espuma, os aromas cítricos e frutados da generosa carga de lúpulo logo tomam o ambiente. Na boca, um corpo aveludado é percebido onde o dulçor de frutas e o amargor marcante se equilibram perfeitamente.

 

E você, já experimentou alguma? Nossa dica é harmonizar com carnes vermelhas, bacon, carnes de caça (pato, javali, cordeiro), hambúrguer, pizza calabresa, queijos duros, pratos condimentados e sobremesas à base de frutas cítricas, como torta de limão. Faça o teste e conte pra a gente o que achou!

10 estilos de cerveja e seus grandes exemplares brasileiros da atualidade

O mercado de cervejas artesanais no Brasil vem crescendo exponencialmente e nossos cervejeiros estão caprichando cada vez mais em suas receitas, o que deixa muito difícil a tomada de decisão diante de uma gôndola nos mercados, empórios e nas lojas on-line.
Pensando nisso, o The Beer Planet pediu a opinião de alguns Beer Sommeliers para tentar te dar uma pequena ajuda nessa hora. Levando em consideração que cada pessoa possui um paladar/gosto diferente, escolhemos dez estilos distintos e eles selecionaram um rótulo brasileiro de cada que mais chamaram a atenção nos últimos tempos.

cervejas brasileiras
Cerveja Avareza
Cervejaria: Mea Culpa

Estilo: American Lager
Uma cerveja leve e refrescante com um dos melhores custo-benefício do mercado. Com sua cor dourada intenso e uma bela formação de uma branquíssima espuma, os aromas de malte e lúpulo se completam perfeitamente.

cervejas brasileiras
Cerveja Da Mata Witbier
Cervejaria: Da Mata

Estilo: Witbier
Equilíbrio em favor da leveza, frase mais que justa para explicar o que você irá encontrar neste rótulo. Uma cerveja de cor palha e uma boa formação de espuma, apresenta um aroma cítrico com notas de limão siciliano e coentro. Na boca, uma bela harmonia entre sabores do malte de trigo e laranja com uma acidez equilibrada e baixo amargor. Levou medalha de bronze esse ano no Festival de Cerveja de Blumenau/SC.

cervejas brasileiras
Cerveja Roleta Russa APA
Cervejaria: Roleta Russa

Estilo: American Pale Ale
Produzida com duplo dry hopping, sendo o primeiro feito durante a fermentação e o segundo na maturação, conferindo um tiro de aroma lupulado! O resultado é uma cerveja especial de coloração âmbar, levemente turva por não ser filtrada, com notas intensas de frutas tropicais no aroma e no sabor.

cervejas brasileiras
Cerveja Thai
Cervejaria: Barco

Estilo: Weiss
Uma deliciosa Weiss bastante aromática e refrescante, que utiliza lúpulos tchecos e alemães, além de levar gengibre em sua receita. Uma cerveja perfeita para aqueles dias de calor, reunião com os amigos ou um belo rodízio de sushi.

cervejas brasileiras
Cerveja Evermont
Cervejaria: Everbrew

Estilo: New England IPA
Uma cerveja do estilo mais adorado pelos loucos por lúpulo do momento, com sua cor amarelo palha e turva. Apresenta um aroma de frutas (manga e maracujá) bem intenso. Na boca, um corpo aveludado devido a utilização de aveia na receita se mistura perfeitamente com o sabor de frutas e um amargor intenso, porém limpo e curto. Mas não se engane, aqui estão muito bem escondidos os seus 7,4% de teor alcoólico.

cervejas brasileiras
Cerveja Imperial IPA
Cervejaria: Schornstein

Estilo: Imperial IPA
Sua generosa carga de lúpulos americanos e ingleses fazem com que seus aromas preencham o ambiente, aumentando ainda mais a vontade de degustar essa maravilha. Na boca você encontrará um sabor complexo e um amargor presente e persistente, porém limpo e com final seco.

cervejas brasileiras
Cerveja Labirintite
Cervejaria: Daoravida

Estilo: Belgian Tripel
Com inspiração no estilo belga Tripel, é produzida com malte de trigo e candy sugar feito pelos próprios cervejeiros, além de malte de cevada e lúpulo. Apresenta rico aroma frutado, suavemente picante e com notas de banana. Na boca, tem corpo médio e final seco.

cervejas brasileiras
Sud Oatmeal Stout Cervejaria: Sud Birrificio

Estilo: Oatmeal Stout
Não foi à toa que essa cerveja acabou de ser eleita a Melhor Stout das Américas no South Beer Cup. Com aroma de cereais tostados suavemente e notas marcantes de café. Na boca inicia doce e complexa, trazendo notas de nozes e ameixas. Passa por amargor médio em perfeito equilíbrio com o dulçor dos maltes, culminando em um final seco.

cervejas brasileiras
Cerveja Bravo
Cervejaria: Backer – 3 Lobos

Estilo: Imperial Porter
Maturada 90 dias em barril de umburana e um com carga generosa de lúpulos americanos, resulta numa cerveja robusta, extremamente aromática e complexa. De cor negra, textura licorosa e aroma que reúne tostado, caramelo, herbal, chocolate, café, baunilha e defumado. No paladar, torrado e caramelo predominam, finalizando de forma deliciosamente seca.

cervejas brasileiras
Cerveja Lógica Absurda
Cervejaria: Tupiniquim

Estilo: Berliner Weisse
Uma cerveja de edição limitada que teve sua inspiração na obra Alice no País das Maravilhas. O resultado de um dry hopping e adição de framboesa e ameixa vermelha é uma cerveja artesanal com notas de frutas vermelhas, paladar frutado e agradável acidez.

E aí, qual desses rótulos você já degustou? Encontre estas cervejas e centenas de outras na loja do The Beer Planet e receba em casa!

CLUBE DE ABRIL TRAZ NOVIDADES GAÚCHAS E ALEMÃS PARA ALEGRAR SUA TAÇA!

Olá, beernauta!

Este mês desembarcam no clube quatro novidades deliciosas! Uma Premium Lager fácil de beber, que resgata a história cervejeira do Rio Grande do Sul. Uma autêntica Hefeweizen alemã que traz muito aroma, sabor e equilíbrio. Um lançamento recente da gaúcha pioneira na fabricação de cervejas artesanais, que está fazendo sua primeira IPA. E uma Doppelbock feita por uma pequena cervejaria familiar alemã que foi eleita em 2013 a melhor do mundo em seu estilo. Desejo a você uma degustação inesquecível! Se quiser entrar em contato, meu e-mail é padilha@thebeerplanet.com.br.

José Raimundo Padilha
Sommelier de cervejas

 

Seleção abril
Gazapina Pilsen 600ml

Gazapina Pilsen 600ml

Dica do sommelier de cervejas:
“A cerveja artesanal gaúcha Gazapina Pilsen é uma deliciosa Premium Lager leve, refrescante e muito fácil de beber. Faz parte da família de cervejas que está revitalizando a marca que escreveu parte da história cervejeira do Rio Grande do Sul. Fundada em 1908 por imigrantes italianos e símbolo de tradição em boa cervejas no sul do país, a Gazapina está de volta com novos estilos que estão emocionando quem tinha uma ligação com a sua história e aqueles que apreciam uma excelente cerveja! Apresenta coloração dourada clara com sabor delicado, leve, refrescante e boa formação de espuma, equilibrando no sabor a doçura do malte com o suave amargor do lúpulo!”

Estilo: Premium Lager

Amargor: Baixo

Teor Alcoólico: 4,0% ABV

Olho: Amarelo claro, cristalina, boa espuma

Nariz: Miolo de pão, frescor, floral

Boca: Leve, refrescante, equilibrada, baixo amargor

Ingredientes: Água, malte de cevada, lúpulo e levedura

Harmonização: Queijos frescos, pratos e petiscos leves, batata frita, saladas, peixes brancos, camarão, comida japonesa, pizza marguerita.

Indicação do sommelier de cervejas: Pastéis de queijo.

Temperatura de Serviço: 3 a 5º

Origem: Brasil

seleção abril
Stammgast Hefeweizen 500ml

Stammgast Hefeweizen 500ml

Dica do sommelier de cervejas:

“A cerveja artesanal alemã Stammgast Hefeweizen é uma excelente representante do estilo German Weizen, que nasceu na Bavária, sul da Alemanha. De sabor bem equilibrado e complexo, apresenta intenso aroma frutado vindo da levedura, com toques cítricos e notas marcantes de banana, sabor de cravo discreto e elegante final seco, de deliciosa acidez e suavemente picante, muito fácil de beber!”

Estilo: German Weizen

Amargor: Baixo

Teor Alcoólico: 5,0% ABV

Olho: Amarelo dourado, turva, boa espuma

Nariz: Frutado, adocicado, banana, cítrico, especiarias

Boca: Refrescante, frutada, cítrica, leve acidez, cravo, final seco

Ingredientes: Água, malte de cevada, malte de trigo, lúpulo e levedura.

Harmonização: Brie, camembert, saladas, peixes, petiscos suaves, frutos do mar, quiche e omelete de queijo, salsichas e sobremesas à base de banana ou maçã.

Indicação do sommelier de cervejas: Mix de salsichas alemãs.

Temperatura de Serviço: 5 a 7º

Origem: Alemanha

Seleção abril
DaDo Bier IPA 600ml

DaDo Bier IPA 600ml

Dica do sommelier de cervejas:

“A cerveja artesanal DaDo Bier IPA é uma American India Pale Ale produzida no Rio Grande do Sul e lançada recentemente por uma das pioneiras do movimento das cervejarias artesanais no Brasil. Apresenta cor dourada alaranjada, levemente turva, de colarinho com boa permanência na taça. No nariz, traz notas herbais e florais do lúpulo, com notas cítricas intensas que remetem a maracujá, mas equilibradas pelo aroma de biscoito, pão e caramelo vindo do malte. Na boca, é tostada, herbal e muito equilibrada entre o amargor do lúpulo e o dulçor caramelado do malte, com sensacional final cítrico e seco! Excelente IPA!”

Estilo: American IPA

Amargor: Alto

Teor Alcoólico: 6,2% ABV

Olho: Dourada alaranjada, turva, boa espuma

Nariz: Frutada, cítrica, herbal, floral, caramelo, biscoito, maracujá

Boca: Corpo médio, equilibrada, tostado, herbal, cítrico, caramelo, final seco

Ingredientes: Água, malte de cevada, lúpulo e levedura

Harmonização: Queijos intensos (cheddar, gorgonzola), carnes vermelhas, comida mexicana, falafel, hambúrguer, pizza de calabresa.

Indicação do sommelier de cervejas: Arroz de pato.

Temperatura de Serviço: 5 a 7º

Origem: Brasil

linha-para-blog

Seleção abril
Riegele Speziator Doppelbock 500ml

Riegele Speziator Doppelbock 500ml

Dica do sommelier de cervejas:

“A cerveja artesanal alemã Riegele Speziator Doppelbock é uma obra de arte feita pela mais tradicional cervejaria familiar de Augsburg e eleita a Melhor Doppelbock do Mundo em 2013 pelo European Beer Star. De coloração escura, colarinho alto, encorpada na boca e teor alcoólico deliciosamente perceptível no aroma e no paladar. Traz para a taça forte característica de maltes tostados com notas de centeio, nozes, toffe e caramelo, deixando um saboroso residual após sua degustação! Excelente oportunidade de conhecer um dos mais tradicionais estilos da escola alemã produzida por um autêntica família bávara!”

Estilo: Doppelbock

Amargor: Moderado

Teor Alcoólico: 7,5% ABV

Olho: Castanho escuro, turva, boa espuma

Nariz: Tostado, centeio, toffe, caramelo

Boca: Encorpada, tostado, caramelo, final longo

Ingredientes: Água, malte de cevada, lúpulo e levedura

Harmonização: Queijos parmezão, grana padano, pecorino, presunto crú, foie gras, nozes, porco, javali, cassoulet, feijoada, lentilha, goulash, massa ao molho bechamel ou carbonara, ossobuco, pato, pimentão recheado, bacon, rabada, veado, crème brulée, chocolate.

Indicação do sommelier de cervejas: Risoto de grana padano.

Temperatura de Serviço: 8 a 12°

Origem: Alemanha

linha-para-blog

Assine agora, clique aqui. E faça parte do melhor clube de cervejas do Brasil! Como sócio você tem vantagens exclusivas e descontos de até 40% para compras no site www.thebeerplanet.com.br.

Como servir uma cerveja de trigo corretamente

Cervejas de trigo

Nunca é demais lembrar como deve ser o serviço da cerveja de trigo. Em geral, as cervejas de trigo, sejam as alemãs Weizenbiers e Weissbiers ou as belgas Witbiers, apresentam líquido opaco (turvo) porque não são filtradas e os sedimentos resultantes da fermentação ficam em suspensão no líquido. É por este motivo, inclusive que os copos Weizen são alongados, para que a turbidez da cerveja, na maioria claras, possa ser apreciada através do vidro.

Para que o sedimento vá todo para o copo, deve-se interromper o serviço antes do fim da garrafa e agitar para que dissolva e seja servido junto com o final da cerveja.

Mas atenção, isso vale apenas para as cervejas de trigo especificamente. As Belgian Ales também apresentam sedimento no fundo da garrafa, mas neste caso deve ser dispensado, interrompendo o serviço a um dedinho do fundo, ou menos, pois este resíduo vindo da re-fermentação na garrafa, bastante comum nos estilos da escola belga, só deixa a cerveja mais amarga.

Agora que você sabe como servir corretamente uma cerveja de trigo, vamos à pratica!

 

Conheça mais cervejas de trigo, clicando aqui.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O melhor clube de cervejas do Brasil: seleção janeiro 2015

Nada como uma boa novidade para começar o ano! Nossos especialistas em cervejas trouxeram quatro novos rótulos artesanais para você se deliciar. A leve e saborosa Tennent’s 1885, uma escocesa muito refrescante. A gostosa e tradicionalíssima Waldhaus Schwarzwald Weisse, cerveja de trigo vinda diretamente da Floresta Negra. A recém chegada Harviestoun The Ridge, uma sofisticada e equilibrada Americam Pale Ale feita nas Highlands. E a espetacular Symphony of Destruction, uma IPA com dry hopping do chef Ronaldo Rossi, que os sócios do clube vão experimentar em primeira mão.

 

selecao-do-mes-de-janeiro-2015-the-beer-planet-club

 

Para assinar o melhor clube de cervejas artesanais do Brasil, clique aqui.

 

Saiba mais sobre cerveja: www.thebeerplanet.com.br.

Dicas de cervejas para refrescar o seu verão.

Quando bate aquele calorão do verão, o seu corpo pede uma cerveja bem refrescante. Mas não é qualquer cerveja que é perfeita para essa época do ano. As melhores são as mais claras, mais leves e que ficam melhores quando servidas geladas. Porque descem pela garganta refrescando o corpo todo e dão uma sensação de alívio do calor! Para você combater os dias mais quentes com muito sabor selecionamos alguns estilos que agradam todo mundo quando o sol está ardendo no céu e o termômetro está subindo sem parar!

Refresque o verão com cerveja boa!

PILSEN

As Pilsen (ou Pilsner) são cervejas refrescantes por natureza. Leves e fáceis de beber, hidratam o corpo que é uma beleza. Cada gole que você bebe pede outro gole, o que faz dela uma das melhores opções para refrescar o seu verão.

Conheça cervejas do estilo Pilsen, clicando aqui.

LIGHT LAGER

As cervejas de baixa fermentação (Lager) são perfeitas para o verão. Especialmente, as mais leves e claras, de teor alcoólico menos elevado, que deixam as cervejas mais refrescantes e fáceis de beber.

Conheça cervejas do estilo Light Lager, clicando aqui.

CERVEJAS DE TRIGO

As cervejas de trigo são perfeitas para se refrescar no verão. Possuem baixo amargor e uma deliciosa acidez, que deixam a cerveja ainda mais refrescante e fácil de beber. Seus aromas e sabores frutados dão muito sabor à cerveja. Esse estilo surgiu na Bavária, a parte mais ao sul da Alemanha, onde faz muito calor no verão e por isso é o estilo adotado pelos alemães quando o tempo está quente!

Conheça cervejas de trigo, clicando aqui.

WITBIER

As Witbier são cervejas de trigo de origem belga, com um toque cítrico de fruta, que pode ser laranja, limão ou taperebá, o que faz delas uma das melhores opções para enfrentar o calor com muito sabor! Vão muito bem com pratos leves que combinam com verão, como saladas de folhas, comida japonesa e frutos do mar.

Conheça cervejas do estilo Witbier, clicando aqui.

FRUIT BEER

As cervejas frutadas são ótimas para você se refrescar no verão, pois adicionam o frescor das frutas na cerveja e fazem com que seja um excelente aperitivo para hidratar o corpo e espantar o calor. Algumas delas podem ser servidas em copo com gelo aumentando ainda mais o seu poder de refrescar!

Conheça cervejas do estilo Fruit Beer, clicando aqui.

 

 

Frango glaceado na cerveja com salada cítrica de rúcula e laranja

Vamos aprender a fazer um delicioso e prático frango de frigideira para harmonizar com uma refrescante cerveja de trigo!

A novidade aqui é que vamos usar a cerveja também na receita, como ingrediente do prato – cerveja na panela! E vamos dar um toque cítrico no prato!

O acompanhamento será uma salada leve de rúcula, cebola roxa e laranja! Para contrastar com sabor mais adocicado e picante que vamos colocar no frango.

frango-glaceado-na-cerveja-2

Rendimento: serve 4 pessoas

Tempo total: 45 minutos

frango-glaceado-na-cerveja-3

INGREDIENTES:

1/2 xícara de cerveja de trigo (Weizen ou Witbier)
1/4 xícara de suco de laranja espremido na hora
3 colheres de sopa de geleia de laranja
1 colher de chá de raspas de casca de laranja
2 dentes de alho picados
2 colheres de sopa de azeite extra virgem de oliva
700 gr de coxas de frango desossada (e/ou sobrecoxas)
1 colher de chá de sal
1 colher de chá de pimenta

SALADA DE RÚCULA E LARANJA

6 xícaras de rúcula
1/2 cebola roxa em fatias finas
1 tangerina ou laranja, fatiada
3 colheres de sopa de azeite extra virgem de oliva
1 colher de sopa de suco de laranja espremido na hora
2 colheres de chá de vinagre de vinho tinto
1/4 colher de chá de sal
1/4 colher de chá de pimenta do reino
3 colheres de sopa de pinolis torrados

frango-glaceado-na-cerveja-4

PREPARO:

Pré-aqueça o forno a 200ºC

FRANGO

Junte metade da cerveja, suco de laranja, geleia, raspas de laranja e alho em uma panela pequena e aqueça em fogo médio. Mexa até começar a ferver, reduza o fogo para médio-baixo e cozinhe até engrossar um pouco, cerca de 6 a 8 minutos.

Aqueça uma frigideira grande em fogo médio e adicione o azeite. Tempere o frango com sal e pimenta e coloque na frigideira, queimando em ambos os lados até ficarem douradas, cerca de 2 a 3 minutos de cada lado.

Após o segundo lado estar grelhado, adicione a outra metade da cerveja na frigideira e use uma colher de pau para raspar todos os bocados fora do fundo da panela. Despeje a o conteúdo da panela na frigideira e desligue o fogo.

Coloque o frango no forno descoberto e asse por 20 minutos. A cada 5 minutos, regue o frango com o esmalte no fundo da panela.
Sirva com a salada.

SALADA DE RÚCULA E LARANJA

Junte a rúcula, a tangerina e a cebola em uma tigela grande com uma pitada de sal e pimenta. À parte, misture o óleo, o suco, o vinagre, o sal e a pimenta, em seguida, despeje metade na salada e misture bem para revestir tudo. Salve o molho para acrescentar mais tarde, se desejar. Jogue o pinoli sobre a salada e misture mais uma vez. Sirva imediatamente com o frango.

frango-glaceado-na-cerveja-5

Dê preferência para uma frigideira de ferro, que retém o calor e deixa o frango mais saboroso!

Conheça mais cervejas de trigo: aqui.

Confira as Witbier: aqui.

Fonte: howsweeteats.com

Summer Brew com suco de laranja e blueberry: um drink que combina com o verão

As bebidas Summer Brew são feitas com cervejas à base de trigo, perfeitas para quando bate aquele calor. São drinks leves, refrescantes, cítricos e muito saborosos.

O Summer Brew original é feito com a cerveja de trigo do estilo Wheat Beer.  Mais lupulada (portanto, mais amarga), a cerveja tem menos notas de banana e cravo que as tradicionais de trigo alemãs. São misturados com vodka e limonada – um mix que é uma verdadeira delícia!

Mas você pode fazer com cervejas de trigo de outras estilos – Weiss, Weizen ou Witbier. A limonada também pode ser substituída por laranja e outras frutas que você quiser.

Uma versão deste maravilhoso drink de verão leva vodka e cerveja com laranja. Blueberries frescas e uma fatia de laranja decoram a bebida e a deixam mais colorido e divertido. Afinal, mais do que um drink, é um cocktail de verão!

SUMMER BREW

Summer Brew de laranja e blueberry (serve 4 cocktails)

 

Ingredientes

Modo de preparo:

Pouco antes de servir, misture o suco de laranja fresco, a água, o açúcar e a vodka. Mantenha na geladeira e adicione a cerveja, a laranja fatiada e as blueberries. Seu Summer Brew estará pronto!

Fonte: jennysteffens.com

 

Cerveja Göttlich com guaraná: mais uma novidade na nossa loja

As cervejas da série Göttlich, Divina! são diferentes de tudo que você já viu por aí. O motivo é que há pó de guaraná na receita. A invenção é do cervejeiro carioca Leonardo Botto para a importadora On Trade.

Para deixar a cerveja com sabor natural de Brasil, o guaraná utilizado na Göttlich é legítimo da Amazônia.

A Göttlich, Divina! também passa por um processo chamado Dry Hopping. Nele, a cerveja é guiada por pressão através de lúpulos aromáticos, deixando o aroma mais intenso e fresco.

Os lúpulos utilizados são nobres e vêm das regiões produtoras mais tradicionais do mundo. De Hallertau e Weihenstephan, na Alemanha, e Saaz, na República Tcheca.

Göttlich, Divina! Pilsen

É uma cerveja artesanal com 5,5% de teor alcoólico. Apresenta cor dourada alaranjada e aroma floral intenso.  O sabor do guaraná também usado na receita. É uma cerveja muito refrescante!

Göttlich

Göttlich, Divina! Weiss

É uma cerveja artesanal de trigo com 5,8% de teor alcoólico. Apresenta cor amarelo clara e líquido turvo característico das cervejas de trigo. O aroma frutado intenso combina banana, cravo e guaraná. Uma cerveja aromática e refrescante para ótimas refeições!

Göttlich

As duas já estão disponíveis na nossa loja, aproveite!